Want to keep in the loop on the latest happenings at Beit Lubavitch Rio De Janeiro. Subscribe to our mailing list below. We'll send you information that is fresh, relevant, and important to you and our local community.
Impresso de BeitLubavitchRio.org

Reflexão

A Estrada Para Casa

 

A Estrada Para Casa

9 de Elul, 5775 ‑ 24/ago/15

Por Sarah Zadok

Tinha sido um longo dia. Eu estava completamente exausta. Eu me sentia perdida, vulnerável, com medo, e eu não sabia para onde ir. Então, pulei na minha caminhonete sem destino específico em mente e decidi deixar a estrada me levar ao seu final.

Apenas deixei a caminhonete dirigir-se. Eu não me lembro exatamente o que se passava pela minha mente naquele momento. A verdade é que eu estava tão confusa sobre muitas partes da minha pequena vida de 18 anos de idade; as pressões sociais, as intrigas proibidas, coisas de família, as… Read More »

O Rei está no campo

 

Quando eu Perdoei D'us

Por Tovah Kinderlehrer

 

"O Rei está no campo." Esta é a frase que descreve o mês de Elul, o mês que antecede as Grandes Festas. O Rei está no campo. Ok, nós sabemos que o Rei se refere a D'us. E quanto ao resto? O que é o campo? O que significa que D'us está no campo? E o que eu devo fazer sobre isso, se é que devo fazer alguma coisa?

Para começar a entender, precisamos voltar alguns meses. Lembra-se de Shavuot? Lembra-se de ficar a noite toda estudando Torá? A antecipação que conduz a ela, enquanto contávamos os 49 dias do Omer. A fabulosa cheesecake que nós comemos, talvez… Read More »

Os Santos Mendigos de Safed (Tsfat)

 

Os Santos Mendigos de Safed (Tsfat)

Por Chana Besser


Crédito: Flash90

 

Como qualquer cidade pequena, Safed tem alguns mendigos profissionais. Nenhum deles é bêbado, obrigado D'us, ou sem-teto, D'us não o permita. Eles simplesmente esmolam para ganhar a vida. É o trabalho deles, e eles trabalham duro para isso. Eles mantêm horários regulares, e cada um tem seu próprio território. Alguns deles trabalham para organizações religiosas, como o gordo que manca e carrega uma pushka (lata de coleta), ou aquele pequeno sujeito magro, cheio de energia, na Midrahov, nossa rua principal em paralelepípedos. Ele canta canções… Read More »

Do fogo ao gelo

 

Do Fogo ao Gelo

Menachem Av 12, 5775 · 28 de julho de 2015

 

Nasan Shimon era um homem de negócios muito bem sucedido, cujos interesses o levavam a passar muito tempo nas cidades de Yasi, Galetz e Chernowitz, situadas na fronteira entre a Áustria e a Romênia. A polícia em ambos os lados da fronteira o conhecia bem.

Nasan Shimon não era um judeu muito temente a D'us. Na verdade, ele desprezava e ridicularizava as práticas dos judeus observantes, e quase não mantinha nem ao mínimo as mitsvot. Sua esposa, Rachel, por outro lado, tinha sido criada na casa de um bom chassid, um devotado seguidor… Read More »

Procurando postagens antigas? Veja a barra lateral para o Arquivo.