Want to keep in the loop on the latest happenings at Beit Lubavitch Rio De Janeiro. Subscribe to our mailing list below. We'll send you information that is fresh, relevant, and important to you and our local community.
Impresso de BeitLubavitchRio.org

Onde existe luz, a escuridão não existe.

Quinta-feira, 04 Julho, 2019 - 14:44

 

Onde existe luz, a escuridão não existe. Um pouquinho de luz, portanto, banirá uma sala cheia de escuridão.


texto.jpg


Há muito tempo, numa pequena aldeia da Rússia, um grupo de chassidim pretendia cumprir as pa-

lavras de seu Rebe. Ele tinha lhes dito para descerem até o porão e dispersar a escuridão. Então eles tentaram realizar essa missão aparentemente simples. Mas como exatamente fariam aquilo?, perguntavam. “Desçam as escadas com varas e expulsem a escuridão”, disse o Rebe. 

Os chassidim obedientemente foram ao porão e tentaram combater as trevas, batendo nelas. É claro, isso não resolveu, e logo eles voltaram ao seu Rebe para pedir conselho mais uma vez. 

“Voltem escada abaixo e desta vez varram a escuridão.” Os chassidim voltaram para lá com vassouras e obviamente não obtiveram sucesso. E assim eles voltaram ao Rebe, que lhes deu uma outra sugestão. “Desçam e acendam uma pequena vela”. Os chassidim assim fi zeram. E o porão que estava escuro, ficou iluminado, pois mesmo um pouquinho de luz afasta a escuridão mais profunda. No dia 3 de Tamuz (este ano 9 de julho), lembramos o falecimento do Rebe. Sua abordagem é exemplifi cada pela história acima, que é uma ilustração de um ensinamento de Rabi Shneur Zalman, fundador do Chassidismo Chabad: “Um pouco de luz afasta uma grande escuridão” 

(Tanya, cap. 12). 

Por 92 anos o Rebe viveu em nosso meio e em praticamente todos os seus pronunciamentos, cada carta que ele escreveu e todas as diretrizes que ele emitiu, o tema, a assinatura e o objetivo era: a vinda de Mashiach e a realização da Redenção. .


Este era o objetivo do Rebe em cada programa que ele lançava, toda ação que ele iniciava e toda comunidade que ele fundava: um mundo desprovido de ódio e ganância, um mundo livre de sofrimento e conflitos, um mundo inundado pela sabedoria e bondade de seu Criador. Não menos.


A ideia de uma redenção universal, anunciada por um líder global chamado Mashiach (o ungido), é um princípio básico da fé judaica. O judeu acredita que o mundo que D'us criou possui o potencial de refletir completamente a infinita bondade e perfeição de seu Criador. E o judeu acredita que a realização desse objetivo é o propósito para o qual sua alma foi colocada dentro de um corpo físico e trazida para a vida nesta terra.


O Rebe muitas vezes citava o grande sábio judeu Maimonides, que mais de 800 anos atrás dissera: um único ato, uma única palavra, até mesmo um único pensamento, tem o poder de inclinar a balança e trazer a redenção para o mundo.


O Rebe explicou: porque a natureza básica do nosso mundo é perfeita e boa, toda nossa boa ação é real e duradoura, enquanto toda coisa negativa é apenas isso - um fenômeno negativo, um vazio esperando para ser dissipado. Daí a equação comum do mal e do bem com a escuridão e a luz. Escuridão, não importa quão sinistra e intimidante seja, ela é apenas a ausência de luz. A luz não precisa combater e dominar as trevas para deslocá-la - onde existe luz, a escuridão não existe. Um pouquinho de luz, portanto, banirá uma sala cheia de escuridão.


Não importa quão escuro o mundo possa parecer ou ser percebido, a luz é apenas uma ação única que afasta essa escuridão.


O Rebe viu isso e nos transmitiu essa visão. Se abrirmos nossos olhos para essa realidade, vamos trazer a redenção para o mundo. Ainda hoje.

 

Rabino Goldman 

Comentários sobre: Onde existe luz, a escuridão não existe.
7/5/2019

Rosane Goldwasser escreveu…

Que belos pensamentos e atitudes para iniciar o dia de Shabat. Obrigada Rabino Goldman.